“Sonoridades de Bispo do Rosário” poderá ser vista até domingo, 18 de fevereiro. A mostra está em cartaz no Museu Oscar Niemeyer (MON), na Sala 6.

A exposição coloca o legado de Arthur Bispo do Rosário (1909-1989) em diálogo com outros artistas cujos processos criativos foram influenciados por ele e pela convivência com a Colônia Juliano Moreira, onde ele passou a maior parte da vida como interno.

A curadoria de Luiz Gustavo Carvalho evoca aspectos sonoros e poéticos presentes na obra de Bispo do Rosário. Objetos, instalações, colagens, assemblages e estandartes presentes na mostra dialogam com a obra visual, performática e poética de artistas contemporâneos que integram a exposição.

São eles: Antônio Bragança, Stella do Patrocínio, Leonardo Lobão, Paulo Nazareth, Marlon de Paula, Rick Rodrigues, Eduardo Hargreaves, Fernanda Magalhães e Guilherme Gontijo Flores.

Documento para download

SOBRE O MON

O Museu Oscar Niemeyer (MON) é patrimônio estatal vinculado à Secretaria de Estado da Cultura. A instituição abriga referenciais importantes da produção artística nacional e internacional nas áreas de artes visuais, arquitetura e design, além de grandiosas coleções asiática e africana. No total, o acervo conta com aproximadamente 14 mil obras de arte, abrigadas em um espaço superior a 35 mil metros quadrados de área construída, o que torna o MON o maior museu de arte da América Latina.

Serviço
Exposição “Sonoridades de Bispo do Rosário”
Sala 6
Até 18 de fevereiro

Publicado por

Museu Oscar Niemeyer

Notícias relacionadas

Exposições

MON realiza grandiosa exposição dos cem anos de Poty Lazzarotto

Exposições

Últimos dias da exposição “O Espaço Imantado de Mario Rubinski” no MON

Exposições

Nova edição do “MON sem Paredes” é a mais nova realização do Museu Oscar Niemeyer
Ver todas as notícias
Receba notícias